Enfim quebro o silêncio, addendum

Depois dos três pedidos de desculpas com que comecei o post anterior, o quarto: aos leitores que ficaram frustrados com “a publicação para dizer que vai ter uma publicação”. Totalmente justificável a frustração, mas não consegui me sentir à vontade para “do nada” publicar logo qualquer coisa, ignorando o elefante dos quatro meses mudos.

Amanhã, sem falta.

Uma ideia sobre “Enfim quebro o silêncio, addendum

  1. Pingback: De spam à biblioteca ao suicídio à arquitetura | Martin D. Brauch

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s